O Lado B da Música de Concerto

O que pode ser mais frutífero e interessante do que conversar com amigos que compartilham de algumas de nossas paixões? Pouca coisa na vida, creio eu! 🙂

Pois que numa dessas conversas, aprendi que num trabalho inovador de pesquisa de repertório, uma orquestra americana anda descobrindo obras inusitadas de compositores conhecidos. Quer uns exemplos? E se eu te contar que eles encontraram música sacra escrita por Rachmaninov? E música de câmara escrita por Richard Wagner?

Assistindo pouco tempo depois da morte do maestro Claudio Abbado a um documentário feito pela Filarmônica de Berlim, aprendi que ele praticamente “ensinou” para Viena que um de seus filhos compositores mais ilustres, Sr. Franz Schubert, mais conhecido pelos suas canções (“Lieder”), alguns Quartetos e Sinfonias, foi igualmente habilidoso compositor de… ópera? Isso mesmo.

Abbado reafirmou em várias oportunidades sua grande devoção por Schubert. E como grande intérprete de Mahler que foi, maior peso tem sua visão de que para se entender Mahler é preciso conhecer Schubert!

E foi com o “forasteiro italiano”, que Viena veio a conhecer Fierrabras, ópera de Schubert em alemão, em première no Theater an der Wien, em 1988 – nada menos do que 160 após a morte do compositor (1828)!

Mas voltemos ao trabalho de pesquisa de repertório que tem feito nos últimos 20 anos a American Symphony Orchestra, sob a direção musical do maestro Leon Botstein. Juntos eles têm revelado uma espécie de “lado B” da música de concerto: pérolas de compositores conhecidos dos séculos XIX e XX, até então desconhecidas, e uma série de estreias mundiais destas obras, como parte dos programas da ASO. Reserve um tempo para explorar o website da ASO e a oferta no Youtube.

E para fechar, aproveite para assistir ao documentário com o maestro Claudio Abbado, disponível na Digital Concert Hall gratuitamente por tempo limitado, como parte da oferta de conteúdo selecionado em memória do maestro, falecido agora no início de 2014. O trecho que contextualiza o “achado” de Fierrabras se inicia em 21:00.

Boa audição!

Help us spread the word: