Märchenbuilder

icon for pianoI have been thinking of moving out of Sao Paulo, but then there comes the Piano Recital Series coordinated by the Brazilian Sculpture Museum (“Museu Brasileiro da Escultura”) and surprises me once more. Beautiful initiative, always coming up with an interesting musician and a great repertoire to be tasted. This time a very well known composer – of those we sometimes think that we have already appreciated every piece. And there comes Robert Schumann and his Märchenbilder, Opus 113 (March, 1851). Continue reading “Märchenbuilder”

Help us spread the word:

Horowitz para sempre

Vladimir_Horowitz_1986Neste primeiro de outubro, em 1903, um músico notável nasceu em Kiev, que na época era parte do Império Russo (hoje Ucrânia). Ao contrário de outros pianistas destacados, Horowitz fez seu primeiro recital solo já com avançados 17 anos. Ele sonhava ser compositor e deu concertos apenas para ajudar financeiramente sua família durante os anos de Guerra Civil, muito embora sabe-se que durante seu tour pela Rússia, o jovem era pago em chocolates, pão e manteiga – e não em espécie. Tempos duros. Continue reading “Horowitz para sempre”

Help us spread the word:

Musical Sudoku

My friends do know I am passionate about resolving sudoku puzzles. Maybe not as much as I am about concert music nevertheless. So they just sent me one of those interesting ideas combining both worlds: a musical sudoku! I found it super cool and here I am sharing it with you at LesAmis. Have fun!

musicsudoku

 

 

 

 

 

 

 

 

Rules:

  • You can use the notes C-C#-D-D#-E-F-Gb-Ab-Bb-B
  • No enharmonics
Credit: Music Whiz’s Blog! (http://musicwhizs.blogspot.de)
Help us spread the word:

Chez LesamisdelaMusique.Sheilamaceira.com!

Depois de longos anos hospedados no Blogger o LesAmis está agora de casa nova! A ideia é tornar a edição e manutenção por aqui mais simples e integrada ao nosso novo endereço. Seja bem-vindo!

Help us spread the word:

quem são os melhores alfaiates do mundo?

Segundo a comunidade judaica de um pequeno vilarejo na Europa oriental, palco para o Train de Vie (França, 1998) do diretor Radu Mihaileanu, os melhores alfaiates do mundo são os judeus, claro! Train de Vie talvez tenha sido o filme mais judeu que já assisti – além de deliciosamente divertido. Nas palavras da comunidade – em iídiche shtetl, ou “cidadezinha” – iídiche é alemão bem-humorado. Me impressionei com a leveza do script, apesar do peso do tema subliminar: a caça de judeus pelos nazistas. A trilha sonora não deixa por menos. Fica como a dica do dia, vale a pena! 🙂

Help us spread the word:

diapason d’or para osesp

notícia fresquinha diretamente de paris: nossa osesp ganhou nada menos que um diapason d’or pela gravação integral dos choros do nosso brasileiríssimo compositor heitor villa-lobos. hora de celebrar! parabéns para a Osesp!

Help us spread the word: